Vagas Operacionais

Centro de Solidariedade do Trabalhador - www.cst.org.br
Postos CST
O Centro de Solidariedade ao Trabalhador da Força Sindical conta hoje com cinco postos espalhados pela Grande São Paulo e um no nordeste brasileiro, na capital pernambucana, Recife.
LIBERDADE
O posto da Liberdade no centro de São Paulo conta com uma estrutura única entre os locais que fazem a intermediação de mão-de-obra entre empregadores e trabalhadores, na América Latina. O prédio tem a capacidade e infra-estrutura para atender 3 (três) mil trabalhadores por dia. Com cerca de 50 atendentes capacitados e em constante treinamento, os trabalhadores são recepcionados com dignidade e qualidade, ficando a maior parte do tempo acomodados em locais confortáveis e seguros contra chuva e sol. Além de ter disponíveis banheiros coletivos (dois masculinos e dois femininos) e telões com noticiários e entretenimento para tornar mais agradável a espera para ser atendido.
A principal característica do posto da Liberdade é contar com um atendimento humano, mesmo com uma circulação alta de trabalhadores diariamente. O Centro de Solidariedade ao Trabalhador foi inaugurado em 21 de julho de 1998, na Rua Galvão Bueno, nº 782 no bairro da Liberdade, atende de segunda a sexta-feira das 7h às 16 horas* e está localizado a cinco minutos da estação do Metrô São Joaquim ou da Avenida Liberdade.
GUARULHOS
O posto do Centro de Solidariedade ao Trabalhador de Guarulhos aberto em 06 de julho de 1999, é uma opção para os trabalhadores/moradores da cidade metropolitana e da região norte de São Paulo. A fácil localização do posto é o seu ponto forte, o posto de atendimento está na Rua dos Metalúrgicos, 67, Centro, próximos às avenidas Dom Pedro e Monteiro Lobato. A 1ª Delegacia de Polícia é um ponto de referência. A filial funciona de segunda à sexta-feira das 8 h às 17 horas*.
O Centro de Solidariedade recebe diariamente cerca de 1.000 (mil) trabalhadores, em busca de uma oportunidade. As principais vagas são na área de metalurgia e serviços, motivado pelo crescimento no setor hoteleiro da cidade. Os trabalhadores também podem dar entrada no seguro-desemprego no local.
SANTO AMARO
A zona sul de São Paulo também tem o seu Centro de Solidariedade ao Trabalhador. O posto de atendimento ao trabalhador foi aberto em Agosto de 2001 no bairro de Santo Amaro. A região sul conta com milhares de empresas à procura de mão-de-obra qualificada, trabalhadores à procura de uma oportunidade de trabalho. Apostando nisso, foi aberto o posto de Santo Amaro devido a grande procura de trabalhadores moradores da região no posto da Liberdade. O posto está localizado na rua Barão do Rio Branco, nº 864, no Centro, próximo ao Terminal de ônibus de Santo Amaro, Largo 13 e avenida João Dias. A região é de fácil acesso para os moradores da zona Sul. O Centro de Santo Amaro atende cerca de 700 (setecentos) trabalhadores diariamente e funciona de segunda à sexta-feira das 8 h às 17 horas*. As principais vagas são na área de serviços.
OSASCO
Os trabalhadores de Osasco e região desde de 02 de julho de 1999 contam com o Centro de Solidariedade, localizado na Rua Erasmo Braga, 307 em Presidente Altino está próximo do Terminal de Ônibus e estação de Trem da CPTM (Osasco). Devido ao seu fácil acesso o posto recebe diariamente 400 profissionais -limite máximo de atendimento. As principais oportunidades de emprego são nas áreas do comércio, serviços e metalurgia. Com o retorno de algumas empresas para a região, os trabalhadores conseguiram novas oportunidades de emprego através do Centro. O prédio de três andares recebe os profissionais com extrema segurança e comodidade. Com dois auditórios com telões que exibem informações e notícias para os trabalhadores. O Centro funciona de segunda à sexta-feira das 8 h às 17 horas*.
SANTO ANDRÉ
Melhor opção para os moradores da região do ABC, o posto do Centro de Solidariedade em Santo André, aberto em 21 de janeiro de 1999. Há seis anos os trabalhadores da região são amparados com o serviço do Centro que atende cerca de 600 trabalhadores por dia. A Rua Dona Gertrudes de Lima, 202, onde está localizado o Posto de atendimento é paralela com a rua Senador Flaker, (rua dos Bancos) a mais famosa da cidade, onde existem várias agências bancárias. O Centro funciona de segunda a sexta-feira das 8 h às 17 horas*. As dependências do Centro suportam a 450 trabalhadores, recebidos com segurança e comodidade.
RECIFE
No nordeste brasileiro os trabalhadores e empregadores também contam com o trabalho do Centro de Solidariedade ao Trabalhador da Força Sindical. Inaugurado na capital pernambucana em 18 de outubro de 1999, o posto de Recife já cadastrou milhares de trabalhadores. Localizado na rua da Concórdia, 773, bairro de São José. Funciona de segunda à sexta-feira, das 8 h às 17 horas*. O Centro disponibiliza os serviços de habilitação de seguro-desemprego, cursos de qualificação e requalificação profissional e atendes qualificados. O posto recebe diariamente 600 trabalhadores na busca por uma nova oportunidade de emprego.


Central de Trabalho e Renda - CUT (CTR)
http://www.central.org.br/
Endereços dos Postos de Atendimento:
Posto Santo André: Av. Artur de Queirós, 720 - B. Casa Branca. Atendimento a partir das8horas. São distribuídas diariamente 300 senhas para cadastro e 500 para retorno.
Posto Diadema: Al. da Saudade, 186 - Pq. Sete Setembro. Atendimento de segunda a sexta-feira, das 8 às 16 horas. São distribuídas 300 senhas diariamente.
Posto Jandira: Rua Elton Silva, 300 - Centro (Bairro JMC). Atendimento de segunda a sexta-feira, das 8 às 16 horas. São distribuídas 130 senhas diariamente.
Posto Guarulhos/Pimentas: Estrada do Caminho Velho, 333 - B. Pimentas (Travessa Av. Juscelino Kubstichek/CEAG Guarulhos). Atendimento de segunda à sexta-feira, das 8 às 16 horas. São distribuídas 150 senhas diariamente.
Posto Guarulhos:Rua Antonio Iervolino, 225- Vl Augusta (Próximo ao CTMO). Atendimento de segunda à sexta-feira, das 8 às 16 horas. São distribuídas 300 senhas diariamente.

Secretaria de Estado do Emprego e Relações do Trabalho (Sert)
http://www.emprego.sp.gov.br Balcão de Empregos

Centro de Atendimento ao Trabalhador (Ceat) e Centro Brasil Trabalho (CBT)
http://www.ceatcbt.org.br   clicar em PROAT
Santo Amaro, Cidade Líder, Brás, Ipiranga, Rio Pequeno e Jardim Antártica.

Centro de Apoio ao Trabalhador (CAT)
Unidade Zona Leste
Rua Gregório Ramalho, 12, Itaquera, São Paulo-SP
CEP: 08210 - 430 Fone: (11) 2106.5200

Unidade Zona Sul
Avenida Interlagos, 6122, Interlagos, São Paulo -SP
CEP: 04.777-000 Fones: (11) 2106.2900